Mexilhões na cataplana…um petisco harmonizado com Socalcos do Bouro Alvarinho

Scroll down to content

Os dias de verão pedem mesas com petiscos fáceis de fazer, mas saboreados sem pressas. O cobre, os mexilhões e o vinho juntaram-se para que tivéssemos um fim de tarde bem agradável e descontraído. E assim foi.

Venham mais dias assim!

Diapositivo1

Ingredientes:

  • 1kg de mexilhões
  • 1 lata pequena de tomate frito
  • 1/2 lata de vinho branco (Socalcos do Bouro Alvarinho)
  • 1/2 lata de água
  • alho
  • coentros (ou salsa)
  • alcaparras
  • azeite
  • especiarias ( pimenta preta, piri-piri, caril, açafrão)
  • sal
  • limão
  • tabasco

Modo de Confecionar

Faz-se um refogado com o alho e o azeite. Junta-se o tomate frito triturado e os mexilhões. Tempera-se com o vinho, a água e o sal e vai a levantar fervura uns minutos.
Adiciona-se as especiarias a gosto, os coentros picadinhos e as alcaparras. Continua no lume até o mexilhão estar cozinhado.
Na hora de servir faculta-se limão e/ou tabasco para salpicar por cima dos mexilhões e acompanha-se com o mesmo vinho que serviu para a confeção: Socalcos do Bouro Alvarinho

 

Alvarinho Socalcos do Bouro

Ano de colheita: 2016

Teor Alcoólico: 14º

Enólogo: Astride Rodrigues

Garrafa: 0,75l

Enologia: Este vinho foi produzido a partir de uma seleção de uvas da casta Alvarinho, das melhores parcelas da vinha conhecida por Vinha do Cruzeiro, sita na freguesia de Bouro Santa Maria, concelho de Amares, distrito de Braga. As uvas que se destinam à produção deste vinho são desengaçadas. O vinho é elaborado recorrendo-se ao controle da temperatura de fermentação a 12ºC. Segue-se o estágio em cubas de inox.

Viticultura: As vinhas encontram-se dispostas em socalcos, característica que confere o nome ao vinho, voltados a nascente e a sul. A excelente exposição solar, as características do solo e o microclima da região contribuem para a produção de um vinho verde com notas singulares. As uvas foram colhidas na 1ª semana de Setembro de 2016, de forma manual, talhão a talhão, sujeitas a criteriosa seleção, e transportadas de imediato para a adega, seguindo-se o processo de vinificação acima descrito.

Características Físico-Químicas: 

  • Grau alcoólico: 14º
  • pH: 3,28
  • Acidez total: 6,6
  • Acidez fixa: 6,2

Notas de prova: Límpido e cor citrina. Complexo de aromas florais e evoluídos, com ligeiro toque de mel, bem combinados e equilibrados. Excelente corpo, sabor macio e um final de boca longo e elegante.

Harmonização: Excelente vinho para acompanhar carnes brancas, marisco, peixes, bem como saladas e comida oriental.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: