Acredito que devemos valorizar os produtos nacionais, destacando o que achamos ser garantia de qualidade e de sabor. Ao comprarmos o que é português, estamos a contribuir para o crescimento da nossa economia nos mais diversos sectores. 

Os Açores, a par de outras regiões portuguesas, reúnem condições excepcionais para a produção de leite e seus derivados. Fruto destas, e do empenho dos criadores de gado e das indústrias de transformação, surgem produtos de grande qualidade, como é o caso do Queijo de S. Jorge DOP. 

Uma rápida pesquisa pelo site, no separador Queijo, é prova da frequência em que utilizo queijo curado S. Jorge em inúmeras receitas, quase todas salgadas. Hoje, trago uma sugestão doce, de um pudim de ovos e queijo que surpreendeu.

Pudim de Queijo de S. Jorge DOP

Ingredientes

  • 100 g de Queijo de S. Jorge DOP
  • 150 g de amêndoa em pó
  • 200 açúcar
  • 7 ovos
  • 300 ml de leite
  • 200 ml natas NovAçores
  • Raspa de meio limão
  • Caramelo líquido para forrar o interior da forma

Comece por colocar dentro do copo liquidificador os ovos, o açúcar e o queijo em pedaços pequenos, ou, se preferir, ralado. Triture muito bem.

Acrescente a amêndoa em pó e a raspa de limão e triture novamente.

Junte o leite e as natas e triture de novo.

Verta para uma forma de pudim, untada com caramelo líquido.

Leve a cozer, em forno pré-aquecido, a 200 °C, durante 1 hora, em banho-Maria.

 

Informações sobre o queijo utilizado na confeção do pudim

  • Queijo São Jorge DOP (Denominação de Origem Protegida) produzido na ilha de São Jorge, na Uniqueijo;
  • Queijo curado distinto, de pasta semidura;
  • Com uma cura mínima de 7 meses de cura é um produto com aroma forte, limpo e picante, obtido a partir de leite de vaca cru, sal e coalho;
  • Pode ser degustado numa tábua de queijos acompanhado de um vinho intenso, de forma a existir um equilíbrio de sabores;
  • Vencedor da Medalha “Ouro” no Concurso Nacional de Queijos Tradicionais Portugueses 2020;
  • Vencedor do Concurso Great Taste 2019 – O melhor sabor, distinguido com 3 estrelas;
  • Sugestão : abrir a embalagem e deixar o queijo respirar durante 30 minutos antes de consumir.

Existem diferenças entre um Queijo Ilha e um Queijo São Jorge DOP….

Queijo Ilha

  • Produzido em qualquer ilha dos Açores;
  • Feito com leite cru ou pasteurizado;
  • Coalho vegetal ou microbiano;
  • Fermentos lácteos (naturais ou laboratório);
  • Cloreto de cálcio;
  • Lisozima (conservante);
  • Salga em salmoura ou direta;
  • Sabor menos acentuado devido a redução de enzimas e bactérias lácteas.

Queijo São Jorge DOP

  • Produzido em exclusivo na ilha de São Jorge;
  • Feito com Leite cru;
  • Coalho animal;
  • Fermento natural;
  • Salga direta na massa;
  • Queijo artesanal;
  • Características organoléticas distintas, sabor mais  pronunciado e rico.

queijo-sao-jorge-gama

2 Replies to “Pudim de Queijo de S. Jorge DOP”

  1. Olá! Encontrei este receita ao navegar pelo Facebook e devo dizer que me deixou com água na boca!!
    Sou de São Jorge e fico muito orgulhosa que estejam a ser criadas receitas com tanto respeito pelo nosso queijo, e que se dêem ao trabalho em explicar o que é um queijo de São Jorge e um queijo da ilha! Fico muito feliz mesmo!
    Queria só deixar uma nota, também há outra marca para o Queijo de São Jorge, que também é fabricado na ilha de São Jorge obviamente, que é o queijo dos Lourais. Se procurarem no google encontram facilmente imagens dele. Também já ganhou vários prémios e infelizmente por não gritar na embalagem “São Jorge”, é dificil entra-lo à venda no em Portugal Continental.
    Digo isto porque esse queijo em especifico não é o único produzido em São Jorge, com as mesmas caracteristicas.
    Era isto! Muito obrigado por esta receita e pelo respeito aos produtos nacionais, vou definitivamente experimentar!
    P.S. experimente o atum de Santa Catarina, encontra-se em qualquer super mercado, caso ainda nao tenha experimentado! É produzido também em São Jorge e a preparação do atum é toda manual! E tem uma qualidade magnifica sem falar que é sustentável

    Gostar

    1. Olá Filipa. Grata pelo seu comentário. Eu sou fã da ilha e das suas tradições. É, sem dúvida, uma ilha que se destaca pela sua singularidade em tantos aspetos, quer seja na diversidade de Queijo, no atum, nas ameijoas da fajã, no café ou na doçaria. Conheço o queijo dos Lourais e o atum Santa Catarina. Tudo prima pela qualidade. Um grande beijinho.
      Patrícia

      Gostar

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: